Davi de Brito: a trajetória de um iluminador

Autores

  • Cássio Pires Universidade de São Paulo (USP)
  • Lílian Sarkis Escola Superior de Artes Célia Helena (ESCH)

Resumo

Cássio Pires e Lílian Sarkis entrevistam Davi de Brito e dialogam sobre sua carreira e suas técnicas de iluminação, em 9 de novembro de 2008, no saguão do Teatro SESC Anchieta.

Biografia do Autor

Cássio Pires, Universidade de São Paulo (USP)

Cássio Pires (1976) é Bacharel em Letras e Mestre em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo (USP). Escreveu Verbo, encenada no Fringe do Festival de Curitiba 2014, Ifigênia, encenada pela Cia Elevador de Teatro Panorâmico (texto indicado ao Prêmio CPT 2012), Os Amigos dos Amigos, criação do Coletivo Teatral Filme Bê a partir da obra de Henry James (Prêmio de Melhor Espetáculo do Cultura Inglesa Festival 2011) Teseu, texto escrito à convite do Projeto Conexões 2011, promovido pelo National Theatre e pelo Conselho Britânico. Assinou ainda as adaptações de A Sonata Kreutzer, de Tolstói, dirigida por Marcello Airoldi (SESC Pinheiros, 2013); A Chuva Pasmada, de Mia Couto, encenada pelo Matula Teatro e Eduardo Okamoto, sob direção de Marcello Lazzaratto (SESC Pompéia, 2010) e O Rouxinol, de Andersen, encenada pela Cia da Revista.

Lílian Sarkis, Escola Superior de Artes Célia Helena (ESCH)

Possui Bacharelado em Letras pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de São José do Rio Preto (atual UNESP), em 1975, e formação técnica em Formação de Ator pela Escola de Arte Dramática (1981) e Especialização (2012) em Fundamentos da Arte, na UNESP. Foi coordenadora do Teatro-escola Célia Helena, no curso Técnico Profissionalizante (de 2004 a 2010). É Diretora de Produção da empresa Fortuna J.S. Produções, professora da Escola Superior de Artes Célia Helena (ESCH) e doTeatro-escola Célia Helena. Pesquisa acerca de: produção cultural, legislação em artes cênicas e teatro brasileiro.

Downloads

Publicado

08/07/2015

Como Citar

Pires, C., & Sarkis, L. (2015). Davi de Brito: a trajetória de um iluminador. Olhares, (1), 120-127. Recuperado de https://www.olharesceliahelena.com.br/index.php/olhares/article/view/16